Notícias actualizadas ao minuto sobre o sector automóvel

Renault deixa cair Laguna

renault-laguna-2014-fiyatlari

A Renault não vai lançar uma nova geração do familiar Laguna, preferindo substituí-lo por um novo modelo, com uma nova designação. O futuro representante da marca francesa no segmento dos familiares médios será até um pouco maior do que o Laguna actual, tentando posicionar-se na franja superior do segmento. O novo modelo terá a mesma plataforma do novo Espace e será um modelo global. Na Europa, a produção estará baseada em França, enquanto os mercados asiáticos serão abastecidos a partir da fábrica sul coreana da Samsung, uma marca do grupo Renault.

Lançado em 1993, o Laguna chegou a ter algum sucesso nas duas gerações iniciais, mas nesta última geração nunca conseguiu impor-se a uma concorrência muito forte, em que predominavam as marcas alemãs e as vendas a frotas. Face a este relativo insucesso, a marca opta agora por descontinuar o modelo, apostando numa nova designação, que ainda permanece no segredo dos deuses.

A estratégia de descontinuar modelos que se desgastaram e deixaram de ter o sucesso esperado, substituindo-os por novos, tem sido seguida por algumas marcas. A Opel, por exemplo, deixou cair o Kadett, substituindo-o pelos actuais Astra, e no segmento dos familiares médios trocou a designação Omega pelos actuais Insígnia. Na Ford, o Escort deu lugar ao Focus.

O aumento das dimensões do modelo também foi experimentado por outras marcas. A Peugeot, por exemplo, substitui o antigo 407 pelo 508, uma alteração nas centenas que marca o facto do novo modelo procurar um posicionamento superior ao anterior.

OUTRAS NOTÍCIAS
Comentários
Loading...

Multipublicações

Human Resources
Hotéis InterContinental do Sul da Europa têm novo director comercial
Marketeer
Nestlé lança nuggets e hambúrgueres vegetarianos