Notícias actualizadas ao minuto sobre o sector automóvel

Opel prossegue renovação dos motores diesel

A gama Opel prossegue a renovação dos seus motores diesel com a chegada do 2.0 CDTI, ainda no primeiro semestre. A inclusão deste motor irá concluir a implantação da nova geração de motores diesel, em três categorias de cilindrada, em toda a gama da marca alemã, desde o Corsa ao Insignia.

Assim, os motores 1.3, 1.6 e 2.0 foram desenvolvidos segundo igual objectivo de melhorar a eficiência e reduzir todo o tipo de emissões e de aumentar a capacidade de respostas e binário a baixas rotações.

Com o novo Corsa, que acaba de ser lançado em Portugal, chegou também o novo bloco de quatro cilindros 1.3 CDTI, que existe em versões de 75 cv e 95 cv, ambas com um binário máximo de 190 Nm., mas que No mercado nacional surge apenas na variante mais potente.

As vantagens face ao motor equivalente da anterior geração, são a maior capacidade de resposta e o funcionamento mais silencioso, uma vez que o turbocompressor assegura agora melhor aceleração em baixos regimes e minimiza o ruído.

O sistema Start/Stop contribui para a redução dos consumos de combustível.

A variante de 95 Cv é a mais económica. Com a transmissão automatizada Easytronic 3.0 e o sistema de recuperação da energia na travagem, consegue emissões de CO2 de apenas 82 g/km e o consumos de 3,1 l /100 km, em percursos mistos de cidade e estrada.

O motor 1.6 turbodiesel CDTI, construído em alumínio, foi introduzido no final de 2013 no monovolume Zafira Tourer, com a potência de 136 Cv  e viu chegar um pouco mais tarde a variante de 110 Cv. Está agora disponível também com 95 Cv. Além do Zafira está disponível no monovolume compacto Meriva, nos três níveis de potência, no compacto Astra, nas variantes de 110 Cv e 136 Cv, e no desportivo Astra GTC, com o 136 Cv e no mini SUV Opel Mokka.

Este motor evidencia-se pelo baixo consumo, de 4,1lt/100 km em circuito misto, por emitir 109 g/km de CO2 e pela ssua capacidade de resposta.

Como topo de gama dos motores diesel da Opel surge o recém-lançado 2.0 CDTI, que equipa o familiar Insígnia. Com quatro cilindros, desenvolve um binário de 400 Nm e debita uma potência máxima de 170 Cv às 3750 rpm.

Nos próximos meses, este novo 2.0 CDTI passará também a equipar o Zafira Tourer, e de seguida, outros modelo da marca, como o descapotável Cascada.

Ler Mais
OUTRAS NOTÍCIAS
Comentários
Loading...

Multipublicações

Human Resources
Hotéis InterContinental do Sul da Europa têm novo director comercial
Marketeer
Nestlé lança nuggets e hambúrgueres vegetarianos