Notícias actualizadas ao minuto sobre o sector automóvel

Nissan destaca a elevada fiabilidade das baterias do Leaf

A Nissan revelou as conclusões de um curioso estudo com o qual pretende comprovar a elevada fiabilidade das baterias do seu veículo eléctrico Leaf. Assim, segundo informações divulgadas pela marca nipónica, após cinco anos e mais de 35.000 unidades vendidas na Europa, 99,99% das baterias dos Leaf comercializados continuam totalmente aptas para desempenhar a sua função.

Com este estudo a Nissan quis contrariar a percepção negativa que dá conta da degradação da capacidade das baterias dos veículos eléctricos com a utilização contínua. De acordo com a marca, “os resultados respondem de forma peremptória aos negativistas que em 2010 afirmavam que ‘as baterias teriam de ser totalmente substituídas a cada três anos’, ou que os modelos com elevada quilometragem teriam uma quebra assinalável nas suas capacidades de armazenamento e entrega de energia.

De facto, a taxa de avarias de todo o conjunto da bateria é inferior a 0,01%, um valor muito inferior ao que regista a indústria automóvel europeia para os motores de combustão tradicionais (segundo análise realizada por uma empresa especialista de seguros independente britânica, a Warranty Direct).

Para demonstrar a fiabilidade a longo prazo da tecnologia de baterias, a Nissan revela o caso prático de Robert Llewellyn, proprietário que ao cabo de três anos de utilização continua sem sofrer qualquer problema no seu Leaf.

“Isto não é nenhuma surpresa. Houve muita apreensão sobre a tecnologia eléctrica no princípio, mas com as vendas a subir mensalmente não entendo como podem estes mitos continuar em vigor nos dias de hoje”, referiu o defensor da mobilidade verde.

O mesmo é referido por Jean-Pierre Diernaz, director de Veículos Eléctricos da Nissan na Europa, para quem “os factos falam por si mesmos: a taxa de avarias de bateria nos nossos veículos é mínima, e até o mais forte crítico concordará”.

Com somente três componentes principais – carregador de bordo, inversor e motor – o Nissan Leaf é também 40% mais económico em manutenção quando comparado com as alternativas alimentadas por motores a gasolina ou Diesel.

Lançado em 2010, o Nissan Leaf surgiu como um dos primeiros veículos puramente eléctricos comercializados em massa, sendo agora o eléctrico mais vendido da história com mais de 165 mil unidades comercializadas a nível global, das quais mais de 35.000 na Europa.

[youtube height=”HEIGHT” width=”WIDTH”]https://www.youtube.com/watch?v=6V1bJJwJhEg[/youtube]

Ler Mais
OUTRAS NOTÍCIAS
Comentários
Loading...

Multipublicações

Human Resources
Apresentações estratégicas dão mote a nova academia em Lisboa
Marketeer
O Apartamento conquista cinco novos clientes