Notícias actualizadas ao minuto sobre o sector automóvel

PSA Peugeot Citroën e Dongfeng terão plataforma conjunta

79757psa O grupo PSA Peugeot Citroën e a Dogfeng Group (DFG) pretendem aprofundar a sua parceria estratégica com vista ao lançamento de uma plataforma global de desenvolvimento de veículos para os segmentos B e C para a Peugeot, Citroën, DS e Dongfeng, procurando igualmente criar uma equipa conjunta de pesquisa e desenvolvimento (R&D) baseado em Xangai para a produção de modelos e tecnologias orientadas para os mercados asiáticos. Este anúncio foi feito numa conferência de imprensa para celebrar o primeiro aniversario da parceria entre aqueles dois grupo, tendo contado com a presença de Carlos Tavares, presidente do grupo PSA Peugeot Citroën, e Xu Ping, presidente do DFG, em Xangai, à margem do salão automóvel que decorre na China. Esta nova ‘Plataforma Modular Comum’ (CMP) tornar-se-á na plataforma de nova geração para os modelos de segmento B e C de ambos os grupos. Este projecto representa um investimento de 200 milhões de euros, dos quais 60% são avançados pela PSA e os restantes 40% pela marca chinesa. Ao abrigo deste acordo, uma equipa de ligação da DFG estará localizada em Vélizy, junto da equipa principal. A CMP vai permitir que a PSA e a DFG produzam veículos para as suas respectivas regiões de crescimento: na China e outros países da Ásia, a PSA Peugeot Citroën vai beneficiar da grande base de fornecedores da DFG, o que lhe permitirá baixar os seus custos de produção e, assim, oferecer, preços competitivos para os segmentos em questão. Com a inovadora Plataforma Modular Comum, que deverá ficar operacional em 2018 e que poderá servir de base a até 20 novidades automóveis, vai providenciar novas soluções em termos de modularidade, versatilidade, equipamento e redução das emissões poluentes. Estratégia global Por outro lado, este esforço da PSA Peugeot Citroën engloba-se na estratégia de redução de plataformas principais a nível global, tendo prevista a redução das actuais cinco para apenas duas em 2022. Recorde-se que, recentemente, a marca estreou uma nova plataforma para os modelos de maiores dimensões, denominada EMP2 (Efficient Modular Platform 2), sendo que a CMP agora anunciada deverá ficar orientada para os veículos mais compactos. Por outras palavras, deverá assumir a função de EMP1.]]>

OUTRAS NOTÍCIAS
Comentários
Loading...

Multipublicações

Human Resources
Carlos Coelho no encerrramento da XVIII Conferência Human Resources
Marketeer
Dona da Louis Vuitton investe em marca optimista