Notícias actualizadas ao minuto sobre o sector automóvel

Marchionne encontrou-se com responsáveis máximos da Tesla e da Apple

sergio_marchionne1

Tendo-se já mostrado acérrimo defensor de parcerias na indústria automóvel, Sergio Marchionne, CEO do grupo Fiat Chrysler (FCA), revelou em Toronto, no Canadá, que se encontrou com os responsáveis máximos da Tesla e da Apple.

A informação foi revelada pelo site da Automotive News Europe, embora não se saiba se nesses encontros foram discutidas eventuais parcerias entre a FCA e alguma dessas companhias.

Sobre Elon Musk, mentor da Tesla, Marchionne revelou ter ficado “incrivelmente impressionado com o que aquele rapaz conseguiu fazer”, destacando os sucessos que o fabricante sediado na Califórnia já alcançou nos últimos anos. Quanto ao encontro com Tim Cook, CEO da Apple, o italiano destacou apenas que Cook “está a fazer o seu papel” ao procurar integrar a Apple na indústria automóvel.

Relatos do meio automóvel apontam para a possibilidade de a Apple estar a trabalhar num veículo eléctrico autónomo, embora nada tenha sido confirmado publicamente. O que já se sabe é que a gigante da indústria da tecnologia está empenhada no desenvolvimento do seu sistema operativo para veículos, denominado CarPlay, para rivalizar com o sistema Android da Google.

Além dos encontros com aquelas duas figuras, Marchionne pôde também andar no inovador veículo autónomo da Google, experimentando aquilo que a rival da Apple já conseguiu colocar em prática.

As declarações de Marchionne foram obtidas à margem da abertura de um concessionário da Maserati em Toronto, no sábado, tendo também deixado antever que a principal aposta do grupo a curto prazo está no segmento dos SUV de luxo.

“Quando vejo um Range Rover na rua o meu sangue ferve, porque deveríamos ser capazes de fazer algo do género e é o que vamos fazer”, referiu. A propósito deste assunto, recorde-se que a Maserati prepara o lançamento de um SUV de luxo para o próximo ano, cuja apresentação deverá ocorrer no Salão de Detroit em 2016.

O primeiro SUV da marca italiana vai recorrer a motores desenvolvidos pela Ferrari, assumindo-se como uma proposta bastante importante para a FCA nos mercados norte-americano e chinês, onde a procura daquele tipo de veículos continua a crescer.

Ler Mais
OUTRAS NOTÍCIAS
Comentários
Loading...

Multipublicações

Human Resources
Apresentações estratégicas dão mote a nova academia em Lisboa
Marketeer
O Apartamento conquista cinco novos clientes