Notícias actualizadas ao minuto sobre o sector automóvel

Fabricantes podem vir a adotar vidro utilizado em smartphones

BMW i8

Os fabricantes de automóveis podem vir a utilizar um tipo de vidro denominado Gorilla Glass, traduzido à letra como Vidro de Gorila, um componente utilizado nos ecrãs táteis de alguns smartphones.

Apesar de ser mais caro, este vidro é anti-riscos e apresenta um peso reduzido, uma vantagem para os fabricantes que vêm assim uma oportunidade de diminuir o consumo de combustível dos seus veículos. Atualmente, a Ford já se encontra a testar este Gorilla Glass, assim como produtos alterados de forma química para se parecerem com o primeiro, segundo a Automotive News. No entanto, a BMW já utiliza este vidro no híbrido i8, sendo que preocupações ligadas à segurança e preço levaram a marca bávara a não estender a sua utilização à restante gama. Este componente é utilizado para dividir o compartimento do motor e da cabine do superdesportivo.

A Ford chegou a implementar este material no concept Ford Fusion Lightweight Concept mas chegou à conclusão de que um vidro para brisas constituído apenas por Gorilla Glass não daria a segurança suficiente aos passageiros por ser demasiado fino.

O Gorilla Glass é constituído por várias camadas de vidro banhadas por sal fundido, sendo que nesse banho os iões de sódio são substituídos por iões de potássio, comprimindo e tornando o material mais resistente, sendo entre 25% a 30% mais leve. A empresa responsável pela produção deste vidro propõe a utilização de um vidro dianteiro de 0,7 mm, que atualmente é constituído por um vidro de 2,1 mm de espessura.

 

 

 

Ler Mais
OUTRAS NOTÍCIAS
Comentários
Loading...

Multipublicações

Human Resources
Da sustentabilidade às Pessoas: o propósito para Sonae MC, Fidelidade e Randstad
Marketeer
7 sugestões de Halloween na Quinta do Lago