Notícias actualizadas ao minuto sobre o sector automóvel

Rolls-Royce Dawn: o automóvel “mais sexy” da marca Premium

[easingslider id=”24118″]

 

O nome Dawn, em português ‘amanhecer’, “sugere as oportunidades frescas que todos os dias contêm”, segundo o CEO da Rolls-Royce, Torsten Mueller-Oetvoes, aquando da apresentação do novo modelo da marca britânica. Esta é a renovação de um modelo nascido em 1952, numa visão extremamente luxuosa a que a própria Rolls-Royce apelida como o modelo “mais sexy” que produziu até hoje.

Com um teto em lona que retrai silenciosamente em 20 segundos, este modelo, que partilha a sua base com o Wraith, tem uma grelha 45 mm maior do que este, assim como um para-choques 53 mm maior. Este modelo segue a tradição da marca e mantém a proporção 2:1 entre a altura da roda e da carroçaria e um capot comprido. A Rolls-Royce mostrou-se preocupada em eliminar as superfícies concavas caraterísticas dos modelos convertíveis, orgulhando-se do design fluído e elegante que este modelo adquire, completado pelas jantes de 21 polegadas polidas ou 21 e 20 polegadas pintadas.

 

[youtube height=”HEIGHT” width=”WIDTH”]https://www.youtube.com/watch?v=Nx4bkvqoU4U[/youtube]

 

No interior, o detalhe e precisão, caraterísticos de peças feitas à mão, são o maior destaque deste automóvel com quatro lugares cujo habitáculo é constituído por madeira e pele. Com um relógio analógico no tablier, o novo Dawn prima pela cor de um laranja intenso nos bancos, dispostos de forma a dar à consola central todo o protagonismo. Ainda dentro do automóvel, a marca destaca o sistema áudio Bespoke, considerando-o “o sistema hi-fi automóvel mais exaustivamente desenhado”, assegurando o equilíbrio entre acústica e performance através de 16 colunas individuais.

Em termos de tecnologia, destaque para o touchpad posicionado perto da alavanca da caixa de velocidades, uma roda que permite escolher menus ou até escrever, um sistema denominado Spirit of Ecstasy Rotary Controller para o ecrã multimédia de 10.25 polegadas e ainda para, dentro do parâmetro da segurança, o cruise control automático.

Mecanicamente, o novo Rolls-Royce Dawn está equipado com um motor 6.6 V12 com 570 cv que apresenta um binário de 780 Nm Às 1500 rotações. Com uma velocidade máxima de 250 km/h, este modelo vai dos 0 aos 100 km/h em apenas 4.9 segundos, registando um consumo misto de 14.2l/100km.

 

 

Ler Mais
OUTRAS NOTÍCIAS
Comentários
Loading...

Multipublicações

Human Resources
Isabel Barros distinguida com prémio «Excelência» na liderança. Foi a única portuguesa
Marketeer
Lego lança minissérie no YouTube