Notícias actualizadas ao minuto sobre o sector automóvel

Porsche responde a filha de Paul Walker

meadowDepois de Meadow Walker ter processado a Porsche pela morte do seu pai, Paul Walker, a marca alemã decidiu responder perentoriamente à jovem: “Tal como afirmámos antes, ficamos sempre tristes quando alguém morre a bordo de um Porsche… Mas nós acreditamos no relatório das autoridades e sabemos que o acidente fatal se deveu a uma prática de condução perigosa e excesso de velocidade”.

Recorde-se que a defesa de Meadow assenta na suposta falta de um sistema de controlo de estabilidade e, também, num de segurança que evitaria a combustão do veículo após o acidente. Além disso, a jovem afirma que o veículo não circulava a 151 km/h como indicam as autoridades mas sim entre 101 km/h e 114 km/h (velocidade que continua a ser punível por lei uma vez que a zona onde circulavam os dois amigos estava limitada a 72 km/h).

Como qualquer marca no mundo, a Porsche não gostou de ver a sua segurança ser posta em causa e decidiu usar os trunfos legais de que dispõe: um relatório policial.

OUTRAS NOTÍCIAS
Comentários
Loading...

Multipublicações

Human Resources
O impacto da Inteligência Emocional nas empresas
Marketeer
Domino’s Pizza vai deixar quatro mercados europeus