Notícias actualizadas ao minuto sobre o sector automóvel

Volkswagen e Audi devolvem prémios ambientais nos EUA

Der neue Volkswagen Golf GTD

A Volkswagen continua a sofrer com as ondas de choque resultantes do caso de manipulação das emissões de gases poluentes relativas aos motores diesel Type EA 189 (2.0 TDI). Envoltas nesse escândalo de adulteração de emissões poluentes, as marcas constituintes do Grupo Volkswagen e equipadas com aquele software enfrentam agora uma situação difícil de gerir, sobretudo em termos mediáticos.

Exemplo disso é o pedido de devolução dos prémios ambientais ‘Green Car Awards’ atribuídos a modelos do grupo ao longo dos últimos pela revista Green Car Journal. O primeiro dos modelos galardoados com aquele prémio foi o Volkswagen Jetta TDI de 2009, sendo este o ano em que se detetaram os primeiro modelos com o referido software para adulteração das emissões poluentes.

Em 2010, foi a vez de um outro modelo do Grupo Volkswagen, neste caso da Audi, receber um trofeu pelas suas credenciais ecológicas. Também sob o lema TDI Clean Diesel, o Audi A3 foi eleito como o modelo mais ecológico a concurso.

Agora, fruto do escândalo de manipulação de emissões poluentes, graças a um software que permitia controlar os agentes emitidos para a atmosfera quando em banco de ensaios, mas que em utilização real era desativado, ambas as marcas foram instadas a devolver os troféus atribuídos. No total, foram detetados 11 milhões de automóveis equipados com aquele software, num esquema transversal a diversos mercados.

Ron Cogan, fundador deste prémio Green Car Award, lançado em 2006, anunciou que retirar os prémios à Volkswagen e à Audi é uma medida “infeliz, mas apropriada”.

Ler Mais
OUTRAS NOTÍCIAS
Comentários
Loading...

Multipublicações

Human Resources
Qual é, afinal, o papel do líder?
Marketeer
Domino’s Pizza vai deixar quatro mercados europeus