Notícias actualizadas ao minuto sobre o sector automóvel

Toyota prevê fim de motores de combustão em 2050

toyota-wallpaper-background-13

A Toyota espera que a maior parte dos automóveis que venderá em 2050 venham a ser veículos elétricos, híbridos ou movidos a hidrogénio, segundo Kiyotaka Ise, executivo da marca. Atualmente, a gasolina e o diesel representam 85% das vendas do fabricante nipónico.

Esta é a resposta da Toyota após o escândalo do grupo Volkswagen que pôs em causa a legitimidade dos motores diesel, sendo esta a reação da indústria ao fracasso certo dos blocos a combustão. “Com o declínio massivo destes motores, é como se o mundo estivesse a virar ao contrário e a Toyota tivesse de mudar os seus métodos”, explica Ise.

 

A Toyota já se encontra na vanguarda na área dos automóveis ‘verdes’ e é atualmente a única marca que inclui na sua gama um veículo movido a hidrogénio, o Mirai, para além do híbrido Prius, sendo que o primeiro não é vendido em Portugal e o segundo já vendeu 36 unidades este ano.

OUTRAS NOTÍCIAS
Comentários
Loading...

Multipublicações

Human Resources
Marketeer
Conhece o segredo dos filmes de Natal para serem tão populares?