Notícias actualizadas ao minuto sobre o sector automóvel

Sabe como funciona o eixo traseiro direcional do Ferrari F12tds?

[youtube height=”HEIGHT” width=”WIDTH”]https://www.youtube.com/watch?v=itggGQu_ECc[/youtube]

 

A apresentação do novo Ferrari F12tdf trouxe consigo uma nova designação, um tanto ou quanto estranha: Paso Corto Virtuale (Virtual Short Wheelbase, traduzível para ‘Distância entre eixos virtualmente encurtada’). Na prática, este sistema trata-se de um eixo traseiro direcional, que consegue melhorar o comportamento em curva e incrementar a velocidade ao longo da mesma.

Para a adoção deste sistema contribuiu o alargamento dos pneus do eixo dianteiro, cuja largura passou de 255 para 275 mm, graças à maior largura da jante. Esse incremento dimensional nas rodas do eixo dianteiro tem como efeito secundário um aumento de subviragem.

Para contrariar esse efeito, a marca de Maranello adotou, então, o sistema Paso Corto Virtuale, com o qual as rodas traseiras rodam no mesmo sentido das da frente em curvas rápidas (a baixa velocidade, viram no sentido oposto ao das da frente). Neste vídeo, lançado pela Ferrari no Youtube, a marca explica através de uma simulação computorizada como é alcançada essa maior estabilidade direcional com o sistema direcional no eixo traseiro.

OUTRAS NOTÍCIAS
Comentários
Loading...

Multipublicações

Human Resources
Marketeer
IKEA vai financiar projectos que promovam o direito a brincar