Notícias actualizadas ao minuto sobre o sector automóvel

Audi prepara próximo automóvel movido a hidrogénio

A Audi encontra-se a desenvolver a quinta geração do seu modelo equipado com células de combustível alimentadas a hidrogénio, agora com uma maior autonomia, melhor performance e capacidade de circular em temperaturas mais altas. O primeiro Audi com esta tecnologia foi lançado em 2004, sob o desígnio de A2H2 e tinha três tanques de hidrogénio, uma membrana de mudança de protões (PEM) e uma transmissão elétrica que gerava eletricidade a partir da travagem. Já em 2009, a marca alemã revela uma versão do SUV Q5 movida a hidrogénio, com a sigla HFC, tendo em 2011 lançado a segunda geração deste protótipo. A última versão desta tecnologia é o Audi A7 h-tron quattro, com quatro tanques de hidrogénio, com capacidade para cinco quilogramas da substância, e uma autonomia de 540 km, capaz de ir dos 0 aos 100 km/h em apenas 7.9 segundos. A próxima geração de veículos a hidrogénio da marca de Ingolstadt será baseada na tecnologia presente nesta berlina, com dois motores elétricos alimentados pela célula de combustível, que produzem em conjunto 231 cv e tem 540 Nm de binário. Ainda não é conhecido o modelo no qual se baseará a versão de produção mas, até lá, o fabricante enfrenta desafios como a diminuição da performance em temperaturas acima dos 40ºC.  ]]>

OUTRAS NOTÍCIAS
Comentários
Loading...

Multipublicações

Human Resources
Marketeer
Conhece o segredo dos filmes de Natal para serem tão populares?