Notícias actualizadas ao minuto sobre o sector automóvel

Volkswagen faz aposta total nos SUV até 2020

vw tiguan 2

No evento de lançamento do novo Volkswagen Tiguan, a marca Alemã confirmou a sua aposta em força no segmento dos SUV, prevendo a introdução no mercado de mais uma série de modelos (num total de cinco) com aquelas características nos próximos dois anos de forma a tomar o seu quinhão de sucesso num segmento que se revela dos mais bem-sucedidos em termos europeus e mundiais.

Em declarações prestadas à Automonitor em Berlim, um dos responsáveis pelo desenvolvimento do Tiguan, Matthias Michniacki, explicou que a estratégia de produtos da marca passa por uma aposta nos  SUV, sendo que no “espaço de dois anos” existirão dois novos modelos, um dos quais terá por base o novo Polo e cuja construção terá lugar na fábrica da Autoeuropa, em Palmela. Sobre este modelo, de resto, Michniacki nada adiantou, proferindo apenas que “nada posso adiantar quanto a isso”, resposta que repetiu quando inquirido sobre a existência de uma versão híbrida GTE (já presente nos Golf e Passat).

Por outro lado, indicando que a hipótese de existir uma canibalização entre segmentos (dos SUV face aos mais tradicionais) é remota, os SUV vêm dar resposta a uma tendência de mercado que, acredita, “ainda terá mais anos de expansão”. De resto, os novos modelos deverão ser bastante próximos a dois concepts já revelados, o T-Cross Breeze, que será posicionado na mesma classe do Polo, e o T-ROC (na foto abaixo).

Volkswagen SUV-Studie T-ROC

O objetivo é ter um modelo de estilo SUV em cada segmento relevante para a marca Alemã até ao final da década. A acompanhar esta tendência está o lançamento também em 2017 de uma versão mais longa do Tiguan (conhecida nos meandros da indústria automóvel como o Tiguan XL), com mais 20 mm de distância entre eixos e sete lugares que, embora pensado primordialmente para os mercados dos Estados Unidos da América (EUA) e da China, também chegará ao Velho Continente.

Mas as novidades não pararão por aqui: também o Touareg terá uma nova geração no próximo ano, perfazendo este o quinto modelo da gama SUV a lançar pela Volkswagen.

Peso inimigo

De forma a elevar a eficiência dos seus modelos, a marca aposta igualmente na tónica da redução do peso, com Matthias Michniacki a enfatizar a importância que uma plataforma modular como a MQB – na qual o Tiguan se baseia – pode acarretar para reduzir o peso de um modelo. Assim, deixou bem clara que uma das premissas fulcrais no desenvolvimento de cada modelo passa pela redução do peso e consequente beneficio em termos de eficiência, sem no entanto entrar no campo dos materiais exóticos e mais dispendiosos, como a fibra de carbono. Não obstante, o responsável adiantou que se está a trabalhar de forma contínua na redução do peso estrutural e no aumento da segurança, sendo que também aqui é importante continua a investigar de forma a encontrar um compromisso fundamental.

“Temos de garantir que um modelo tem de ter uma estrutura leve, mas também capaz de resistir de forma segura a acidentes”, explicou, revelando que o equilíbrio entre as duas vertentes tem de ser bastante estudado e trabalhado.

Ler Mais
OUTRAS NOTÍCIAS
Comentários
Loading...

Multipublicações

Human Resources
Estas profissões vão desaparecer já a partir deste ano. Saiba se a sua é uma delas
Marketeer
Sushi At Home troca embalagens de plástico por cartão