Notícias actualizadas ao minuto sobre o sector automóvel

Audi, BMW e Mercedes-Benz lideram conectividade

 

BMW-ConnectedDrive-Store-Konzept-Apps-App-iDrive-5

A Audi, BMW e Mercedes-Benz estão na liderança das ofertas de conectividade em relação aos outros construtores automóveis. Mas ainda falta consciencializar os condutores para esse tipo de tecnologia já que 39% desconhecem que tipo de opções têm à disposição, segundo um estudo do TNS e do Instituto BearingPoint.

 

“O nosso estudo mostra que Audi, BMW e Mercedes estão até agora a liderar em termos de qualidade e de facilidade de utilização por parte dos condutores”, afirmou Sarah-Jayne Williams, sócia da BearingPoint. “Mas para que esta nova realidade [da conectividade] seja plenamente aproveitada há que investir na comunicação com o cliente”, revelou ainda Williams.

 

Isto porque 39% dos condutores desconhecem que tipo de opções em conectividade têm à sua disposição – nenhuma informação nesse sentido é prestada no momento da compra. O que acaba por ser uma oportunidade perdida segundo Williams já que 80% dos veículos até 2020 estarão conectados entre si e – o estudo é claro neste ponto – a tecnologia da conectividade influencia decisivamente 59% dos clientes no momento da escolha do automóvel.

 

O estudo também mostra que a formação ao cliente é por demais importante: 48% dos condutores que fazem uma utilização diária das tecnologias de conectividade apenas o fazem porque essas tecnologias lhes foram apresentadas e explicadas no momento da compra.

 

A pesquisa termina concluindo que os fabricantes que não fazem mais para promover as características da conectividade – como entretenimento, navegação pela Internet e avisos em tempo real sobre perigos na estrada – correm o sério risco de serem preteridos pela Google e a Apple.

 

“Os construtores precisam de agir rapidamente se não quiserem ser ultrapassados pelas grandes empresas tecnológicas”, afirmou Remy Pothet, diretor global do setor automotivo na TNS, citado pelo AutomotiveNews.

 

Os resultados da pesquisa forma baseados nas respostas de 3724 condutores de veículos conectados em sete dos maiores mercados da Europa. Para além da Audi, BMW e Mercedes, a pesquisa incluiu Volkswagen, Renault, Ford, Peugeot, Jaguar, Land Rover, Porsche e Volvo.

Se quiser consultar o estudo (em inglês) clique aqui.

Ler Mais

pub


OUTRAS NOTÍCIAS
Comentários
Loading...