Notícias actualizadas ao minuto sobre o sector automóvel

Baixar portagens nas ex-SCUT aumenta receitas do Estado

Auto estrada recta

A conclusão é de um estudo encomendado pelo anterior Governo e que é tido em conta pelo atual executivo para os cálculos na descida de preços anunciada para este verão.

O estudo, a que a TSF teve acesso e hoje divulgou, foi realizado a pedido do anterior Governo PSD-CDS à Infraestruturas de Portugal, embora as suas conclusões nunca tenham sido tornadas públicas.

Fonte do Ministério do Planeamento e Infraestruturas afirmou à TSF que tinha conhecimento de que a descida de preços resultaria num aumento das receitas das SCUT já que após a introdução das portagens o tráfego tinha diminuído de forma significativa naquelas vias.

De acordo com os vários cálculos elaborados pela rádio nacional, e juntando os resultados estimados para as sete SCUT, o cenário é de que a receita global aumentaria cerca de 22 milhões de euros.

Os ganhos seriam especialmente grandes na A23 (autoestrada da Beira Interior), bem como na A22 (Via do Infante, Algarve) – com uma redução de 15%, ambas renderiam individualmente mais de cinco milhões de euros.

Aapenas a antiga SCUT A4 (Grande Porto) e a A28 (Norte Litoral), dariam menos receitas se os preços descessem, sendo que a subida também seria previsível na A25 (autoestrada das Beiras Litoral e Alta), A29 (autoestrada da Costa da Prata) e A24 (autoestrada do Interior Norte).

Ler Mais
OUTRAS NOTÍCIAS
Comentários
Loading...

Multipublicações

Human Resources
Estas profissões vão desaparecer já a partir deste ano. Saiba se a sua é uma delas
Marketeer
58% dos profissionais de Marketing e Vendas procura novo emprego