Notícias actualizadas ao minuto sobre o sector automóvel

Já pode encomendar os novos 718 Cayman e Cayman S a partir de hoje

Com lançamento no mercado europeu previsto para final de setembro de 2016, os novos 718 Cayman e 718 Cayman S já podem ser encomendados a partir de hoje – o novo 718 Boxster, recorde-se, já se encontra disponível nos concessionários Porsche desde o final do mês de abril.

A celebrar um marco nos seus 75 anos de história em Zuffenhausen, a Porsche passará a produzir todos os modelos desportivos de duas portas na sua sede, com o bem sucedido início da produção da nova geração do 718 Cayman.

A terceira geração deste modelo será produzida nesta linha de montagem em Estugarda embora, até meados de agosto, a Porsche ainda continue a utilizar as linhas de produção da fábrica da Volkswagen, em Osnabrück – onde a anterior geração deste coupé foi construída.

“O início da produção do novo 718 Cayman foi iniciada com enorme satisfação,” referiu Albrecht Reimold, membro do Conselho Executivo para a Produção e Logística da Porsche AG. “Após os lançamentos com sucesso dos modelos 911, no final do ano passado, e do 718 Boxster, na primavera de 2016, a equipa em Zuffenhausen geriu de forma impecável o início desta nova produção. Isto é mais uma prova de que os nossos empregados trabalham com perfeição e paixão diariamente para entregar uma experiência Porsche muito especial aos nossos clientes”, concluiu Reimold.

Fabricar todos os modelos desportivos de duas portas na sede da Porsche vai impulsionar a produção para cerca de 240 unidades/dia em agosto – atualmente, mais de 220 unidades saem das linhas de produção em Zuffenhausen.

No ano fiscal de 2015, a Porsche entregou 22.663 modelos Boxster e Cayman (em 2014 foram 23.597 unidades).

A atual geração dos 718 Boxster e 718 Cayman é caracterizada por serem mais potentes e terem uma melhor economia de combustível, graças ao desenvolvimento do novo motor de quatro cilindros boxer sobrealimentado – pela primeira vez, a versão Coupé e a versão Roadster vão ter o mesmo nível de potência.

A unidade de entrada oferece 300 CV do motor dois litros. Os modelos mais desportivos, as versões “S”, debitam 350 CV a partir do bloco de 2,5 litros – um incremento de 25 CV relativamente aos modelos precedentes, enquanto que os
consumos no circuito NEDC oscilam entre os 8,1 e os 6,9 litros por cada 100 quiilómetros percorridos.

Ler Mais
OUTRAS NOTÍCIAS
Comentários
Loading...

Multipublicações

Human Resources
Estas profissões vão desaparecer já a partir deste ano. Saiba se a sua é uma delas
Marketeer
O Boticário lança perfumes criados com a ajuda de IA