Notícias actualizadas ao minuto sobre o sector automóvel

Rent-a-car e frotas são os fatores que fazem crescer o mercado

barometro

As vendas para o rent-a-car e para frotas de empresas são, por esta ordem, as principais razões que justificaram o crescimento das vendas de automóveis no primeiro trimestre do ano, de acordo com o Barómetro Automonitor, relativo a maio.

O rent-a-car é referido como a principal razão por 78,6% dos inquiridos e citada como segunda principal razão por mais 7,1%, sendo o lançamento de novos modelos e a compra por antecipação ao agravamento de impostos automóveis previstos no Orçamento de Estado deste ano (OE 2016) os dois outros fatores mencionados pelos membros do painel.

As vendas para frotas de empresas recolhem a quase unanimidade como segundo fator mais importante para o crescimento do mercado de janeiro a março, a par com as campanhas de financiamento (incluindo soluções de renting) e as promoções e descontos na venda a particulares.

Apesar de referido como o principal driver do mercado por uma das empresas inquiridas, a compra por antecipação ao OE 2016 não é muito valorizada pelos restantes, o mesmo acontecendo com o impacto da fiscalidade verde, considerada pela grande maioria como o fator menos relevante.

No primeiro trimestre do ano venderam-se em Portugal 44.462 ligeiros de passageiros, mais 29,3% que período homólogo de 2015. O efeito conjugado das vendas ao Rent-a-car, em mais um ano que se espera de bom desempenho do turismo, e a recuperação das vendas a particulares, antecipando a entrada em vigor do Orçamento de Estado com o previsto um agravamento do ISV, justificaram o forte crescimento do mercado. As vendas de veículos de passageiros cresceram 31,6%, em março, para 26.433 unidades, impulsionado sobretudo pelas vendas ao Rent-a-car, que deverão ter representado cerca de 25% dos registos totais segundo as estimativas.

O Barómetro Automonitor é um inquérito mensal aos representantes das marcas e aos grandes grupos de retalho automóvel. Além de perguntas mensais fixas sobre a evolução e as perspetivas do mercado automóvel, integra perguntas mais específicas, sobre o mix de vendas, o investimento das marcas em publicidade e outros aspetos qualitativos do mercado

No inquérito de maio o Barómetro recolheu dados de representantes de 21 das 30 marcas mais vendidas do mercado, representativas de 85% do total do mercado e de quatro dos seis maiores grupos de retalho automóvel.

Ler Mais
OUTRAS NOTÍCIAS
Comentários
Loading...

Multipublicações

Human Resources
Estas profissões vão desaparecer já a partir deste ano. Saiba se a sua é uma delas
Marketeer
Sushi At Home troca embalagens de plástico por cartão