Notícias actualizadas ao minuto sobre o sector automóvel

Estratégia Volkswagen aposta nos elétricos e serviços de mobilidade (atualizada)

BUDD-e

A Volkswagen anunciou hoje o seu plano estratégico até 2025, no que será o maior processo de mudança na longa história do grupo, com uma alteração no seu core-business e aposta em novas fontes de receitas geradoras de resultados, como as soluções de mobilidade..

O plano “Togheter – Strategy 2025” prevê um forte investimento na eletrificação, com mais de 30 novos modelos 100% elétricos até 2025, com vendas estimadas para o grupo entre os dois e os três milhões de unidades anuais. Este anúncio foi feito horas depois de ter sido conhecido que o governo alemão vai exigir que todos os carros novos vendidos a partir de 2030 tenham emissões zero (veja AQUI a notícia automonitor), ou seja, estejam equipados com soluções de propulsão alternativas, entre as quais os motores 100% elétricos.

A tecnologia das baterias, a digitalização e a condução autónoma estão entre as novas competências a desenvolver pelo grupo. O plano estratégico prevê ainda a venda de algumas áreas de componentes e a expansão do negócio de novas soluções de mobilidade.

Os investimentos no desenvolvimento de tecnologias em milhares de milhões de euros deverão atingir o patamar dos dois dígitos.

Até 2025, o grupo prevê atingir resultados operacionais de entre 7% e 8% das vendas e um retorno do capital investido na divisão automóvel superior a 15%. O aumento da rentabilidade e da eficiência da marca Volkswagen, a mais importante do grupo, serão vitais para atingir estes objetivos.

“O Grupo Volkswagen será mais focado, eficiente, inovador, orientado para o cliente e sustentável”, afirmou o CEO Matthias Müller, durante  a apresentação do plano, na cidade alemã de Wolsburg, sede do grupo.

O grupo vai evoluir no sentido de se transformar num dos futuros líderes no fornecimento de soluções sustentáveis de mobilidade. “A Volkswagen sempre enriqueceu as vidas de milhões de pessoas em todo o mundo, com as suas marcas e produtos e a nossa ambição é continuar essa história de sucesso e desempenhar um papel de liderança na auto-mobilidade das futuras gerações”, adiantou.

O grupo evoluirá de um fabricante de automóveis para um fornecedor líder mundial de mobilidade sustentável, o que implicará uma redefinição do posicionamento das marcas do grupo e a otimização do portfolio de modelos e tecnologias de propulsão, focando os esforço sos segmentos de mercado com maior potencial de crescimento.

O portefólio atual do grupo, com cerca de 340 modelos e variantes diferentes, será realinhado, tendo em vista um crescimento com resultados positivos e levando as necessidades dos clientes e dos mercados regionais em conta. Uma ênfase especial será posta no desenvolvimento de 30 novos veículos elétricos nos próximos dez anos.

O grupo estima que por essa altura os veículos elétricos possam valer cerca de 25% do mercado mundial de veículos de passageiros. As vendas de veículos elétricos das marcas do grupo deverão então situar-se entre os 2 e os 3 milhões de unidades anuais, valendo 20% ou 25% das vendas totais do grupo.

Por áreas geográficas, o grupo manterá os seus planos de expansão nos Estados Unidos e na China. Na Ásia, onde os modelos dos segmentos mais baixos e mais acessíveis, têm um grande peso nas vendas, a Volkswagen admite vir a fazer parcerias com fabricantes locais, estando as negociações nesse sentido em estado já avançado.

A par com a alteração do seu core-business, o grupo vai também lançar uma nova unidade global de negócios de soluções de mobilidade, com um foco inicial no chamado ride hailing, o serviço de mobilidade on demand, onde a marca entrou, em maio, quando investiu na Gett, a rival mais forte da Uber. O plano estratégico prevê que esta nova unidade de negócios de soluções de mobilidade possa gerar receitas na ordem dos mil milhões de euros, até 2025.

Nestas áreas, e além do desenvolvimento de soluções próprias, o grupo vai apostar em parcerias, aquisições e tomada de participações acionistas.

 

 

 

 

 

 

Ler Mais

pub


OUTRAS NOTÍCIAS
Comentários
Loading...