Notícias actualizadas ao minuto sobre o sector automóvel

Tesla já é a marca americana de automóveis mais valiosa

A Tesla é desde ontem a mais valiosa fabricante americana de automóveis, depois de ter atingindo uma capitalização bolsista de 52,7 mil milhões de dólares, ultrapassando os 49,6 mil milhões da General Motors, que detinha a primeira posição em Wall Street desde há um século.

Foto: TeslaA cotação das ações da fabricante americana de veículos elétricos subiu pela primeira vez acima dos 300 dólares, na segunda-feira, depois do anúncio das vendas relativas ao primeiro trimestre do ano, que ultrapassaram as 25 mil unidades. Um crescimento de 69% face ao período homólogo do ano passado que bateu as melhores previsões dos analistas.

A subida permitiu à Tesla atingir na segunda-feira um valor em Bolsa de 49,21 mil milhões de dólares, ultrapassando a Ford.

No mundo, a companhia automóvel mais valiosa do mercado é a japonesa Toyota, com uma capitalização bolsista de 177 mil milhões. Mais do que três vezes as suas rivais americanas, incluindo a Tesla.

Em março, a tecnológica chinesa Tencent Holdings pagou 1,78 mil milhões de dólares por 5% das ações da Tesla, valorizando-as em 35,6 mil milhões.

Apesar do bom desempenho em Bolsa e dos bons números de vendas, a Tesla ainda tem de comprovar a sua presença no mercado. No segmento das grandes berlinas de luxo, o Model S está a disputar a primeira posição mundial com os rivais Mercedes-Benz Classe S e BMW Série 7, e o SUV Model X representa já cerca de 40% das vendas da marca. A chegada do compacto Model 3, no início do próximo ano, dará um novo boost ao negócio, mas a rentabilidade permanece instável. Nos últimos 13 trimestres, apenas em dois deles a Tesla conseguiu fechar as suas contas com lucros.

Ler Mais
OUTRAS NOTÍCIAS
Comentários
Loading...

Multipublicações

Human Resources
Os números não enganam. Portugal está entre os piores pagadores
Marketeer
3 mil vinhos à prova em Lisboa