Notícias actualizadas ao minuto sobre o sector automóvel

Sucessor do BMW Z4 não será o Z5

O futuro desportivo da BMW – que sucederá ao Z4 – não será apelidado de Z5 ao contrário do que tinha sido veiculado.

Desde o início da parceria entre a BMW e a Toyota para a produção de um coupé/cabriolet sportif, o sucessor do Z4 recebeu o nome de Z5. Mas Ludwig Willisch, CEO da marca nos EUA, decidiu agora esclarecer as dúvidas.

“Estamos a desenvolver um roadster, mas não será o Z5 – isso foi uma coisa inventada por alguém sem fundamento”, afirmou o responsável. Recusando liminarmente revelar o nome do futuro desportivo da marca de Munique, Willisch não se coibiu contudo de responder com humor: “O futuro roadster será batizado Z… Provavelmente 4!”.

Recorde-se que a produção do Z4 acabou oficialmente no dia 22 de agosto de 2016 e que Klaus Fröhlich, responsável pelo departamento de Desenvolvimento do fabricante bávaro, afirmou na altura que o seu sucessor estaria pronto até 2020. Segundo algumas fontes, o BMW ‘sucessor do Z4’ – que deverá ter uma motorização híbrida e poderá contar com o sistema xDrive de tração integral nas versões mais poderosas.

O “roadster” da BMW deverá ser revelado no final deste ano e partilhará algumas peças e tecnologias com o Toyota Supra: a maior diferença entre os dois é que o desportivo alemão será um “roadster” de dois lugares e capota de lona, enquanto o Supra preservará a herança do grande coupé japonês e terá um “hardtop” – fazendo dele um coupé.

 

Ler Mais

pub


OUTRAS NOTÍCIAS
Comentários
Loading...