Notícias actualizadas ao minuto sobre o sector automóvel

Os 7 pontos-chave do novo Dacia Duster (com todas as fotos)

A segunda geração do Dacia Duster apresenta-se com um design exterior completamente revisto, um interior melhorado e com mais equipamentos e sistemas de segurança atualizados. A nível de motores, mantém-se a aposta nos comprovados blocos gasolina e diesel de origem Renault.

1 Exterior revisto e mais robusto

Sem perder o ar de família com o modelo da primeira geração, o certoi é que o design exterior deste novo Duster foi completamenteredesenhado.

Na frente, a grelha é de maiores dimensões e prolonga-se agora até aos faróis, dando a sensação de que o Duster está mais largo. Os grupos óticos passam a integrar luzes diurnas LED repartidas por três segmentos. O capot dianteiro é mais horizontal e apresenta saliências que reforçam o ar de SUV robusto, que muito contribui para o sucesso da primeira geração.

Foto: Dacia

De perfil, destaque para a linha de cintura mais alta, para as cavas das rodas mais pronunciadas, os ombros mais elevados e para as jantes de 17 polegadas, que acentuam o DNA SUV deste novo Duster.

Foto: Dacia

O para-brisas é mais inclinado, com a base a avançar 10 centímetros para a frente a dar a sensação de mais espaço no interior e, juntamente com as novas barras do tejadilho em alumínio, que nascem agora no prolongamento do para-brisas, a dar-lhe também um look muito mais dinâmico.

Foto: Dacia

Na traseira, voltam a sobressair os ombros mais elevados. A nova assinatura luminosa é formada por quatro quadrados vermelhos em cada um dos extremos laterais (foto). As proteções inferiores são maiores, como acontece também à frente.

 

Foto: Dacia

2 Interior melhor e mais equipado

O habitáculo foi completamente revisto, com um novo tablier, materiais de muito melhor qualidade e mais recheado de equipamentos, numa evidente aposta de subida de gama.

No topo da consola central, o tablet do sistema de informação e entretenimento posiciona-se acima dos comandos rotativos da climatização automático e abaixo das três generosas saídas de ar de ventilação. Destacam-se os comandos ao estilo de teclas de piano (foto), uma solução mais ergonómica importada de alguns grandes SUVs premium.

Foto: Dacia

Na consola de chão, entre os bancos dianteiros, o travão de mão descentrado está acompanhado de espaços para arrumação e dos comandos de tração das versões 4×4.

Foto: Dacia

A regulação do volante em altura e profundidade, do apoio lombar e da posição dos bancos dianteiros, o revestimento dos painéis interiores das portas, as inserções em cromado acetinado no topo da alavanca da caixa de velocidades e o revestimento exclusivo Soft Feel, mais suave, do volante, nas versões de topo, são outros apontamentos que confirmam a subida de qualidade do novo Duster.

Foto: Dacia

Debaixo do banco do co-piloto há agora uma gaveta com 2,8 litros de capacidade (foto), elevando o total dos espaços de arrumação interior a 27,2 litros. O volume da bagageira é de 467 litros (445 nas versões 4×4), na configuração de cinco lugares, podendo subir aos 1623 litros, com o rebatimento total das costas dos bancos traseiros.

Foto: Dacia

3 Preocupação com a acústica

Um dos pontos em que se nota maior progresso nesta geração Duster, é no cuidado que a Dacia teve com o isolamento acústico do habitáculo, recorrendo a materiais isolantes mais eficazes, aumento as superfícies absorventes no comportamento motor, reduzindo os pontos de fugas acústicas e o barulho de funcionamento dos motores e trabalhando a via dianteira, de forma atenuar a transmissão de vibrações e de ruídos de rolamento.

Foto: Dacia

O cuidado com a acústica nota-se também no sistema áudio, com altifalantes de diâmetro maior integrados nos painéis interiores das portas (foto) e complementados, no nível de equipamento superior, por dois twitters no topo do tablier.

4 Para terra ou alcatrão

O Duster está disponível em versões de tração dianteira ou integral, todas elas prontas a enfrentar trilhos de terra, graças à distância ao solo elevada a 21 centímetros e a ângulos de ataque de 30 graus e de saída de 33 ou 34 graus, consoante de trata de tração 4×4 ou 4×2, respetivamente.

Os sistemas de controlo em descida (Hill Descent Control) e de ajuda ao arranque em subida (Hill Start Assist) permitem controlar a velocidade de descida em piso fortemente inclinado e o arranque em vias inclinados.

Foto: Dacia

Para os entusiastas do todo-o-terreno, o ecrã de informações 4×4 integra uma bússola e indica, em tempo real, os diversos ângulos de inclinação (foto).

5 Mais conforto e tecnologia

O upgrade face ao modelo da primeira geração está patente nos novos sistemas de conforto e ajuda à condução, como a direção assistida elétrica, que reduz em 35% o esforço em manobras a baixa velocidade e adapta o nível de assistência à velocidade e aos pisos fora do asfalto, ou as camaras de visão 380 graus, instaladas à frente, atrás e de cada um dos lados, que permitem ao condutor ver no ecrã do sistema de navegação, o que se passa em redor.

Foto: Dacia

As câmaras laterais, posicionadas sob os retrovisores, permitem visualizar diretamente as rodas dianteiras para conhecer com rigor a posição do veículo no terreno.

Foto: Dacia

0 novo Duster dispõe ainda de um sistema de cartão mãos livres (foto) que destranca automaticamente as portas quando o condutor se aproxima e as tranca quando se ele afasta e que permite acionar o motor sem chave, graças ao botão start/stop.

Foto: Dacia

O sistema de informação e entretenimento MediaNav Evolution, integra navegação e a função Driving Eco2, que dá recomendações ao condutor para poupar combustível. O Duster passa também a estar equipado com sensores de luz, que acendem automaticamente os faróis.

6 Aposta na segurança

Ao nível da segurança, o Duster está bastante mais cuidado, combinando soluções passivas com sistemas ativos de ajuda à condução. A estrutura base foi reforçada, com longarinas de maior espessura. A estrutura dos bancos também foi melhorada e os apoios de cabeça dianteiros são de maior dimensão (foto).

Foto: Dacia

Há agora também airbags tipo cortina, fixações Iofix para cadeirinhas de criança nos lugares laterais traseiros, retrovisores exteriores maiores e que garantem mais visibilidade com luzes de alerta de presença de veículo no ângulo morto de ultrapassagem (foto) e um novo para-choques, que juntamente com a nova conceção do capô, aumenta a capacidade de absorção de energia em caso de impacto com peões.

Foto: Dacia

7 Motores económicos e comprovados

A gama de motores desdobra-se pelos blocos gasolina SCe 115 e TCe 125, em versões 4×2 e 4×4, e pelos diesel dCi 90 e dCi 110, o primeiro dos quais apenas disponível com tração traseira.

Foto: Dacia

Todos eles com sistema Start/Stop com recuperação de energia nas travagens (foto) e associados a caixas manuais, de 5 velocidades no Sce 115 e de 6 nos restantes. Na versão 4×2, o motor dCi 110 pode também ter acoplada a caixa de velocidades automática EDC de dupla embraiagem.

Está, igualmente, disponível uma oferta GPL, derivada do motor SCe 115.

Nota: As prestações e consumos do Duster sCe 115 GPL aparecem em colunas separadas consoante se trate dos valores com motor a funcionar a GLP ou gasolina.
Ler Mais

pub


OUTRAS NOTÍCIAS
Comentários
Loading...