Notícias actualizadas ao minuto sobre o sector automóvel

Futuro do setor do táxi defendido pela nova associação APMobi

Foi apresentada esta terça-feira a APMobi – Associação Portuguesa para a Mobilidade – que tem como principal objetivo lutar pela modernização do setor do táxi, por um serviço de excelência e por melhores condições para motoristas e passageiros.

A APMobi tem por base um grupo de motoristas de táxis que perante o atual contexto da mobilidade moderna com uma concorrência cada vez mais forte e inovadora e com regras que diferem de setor para setor, decidiu criar a associação com a missão de fazer a diferença começando pelo setor do táxi e pela sua modernização.

A APMobi assume-se como uma ferramenta para apresentar alterações com legitimidade, pretendendo representar uma nova geração de motoristas de táxi durante as discussões regulatórias e apresentar as suas propostas para a flexibilização da regulamentação do táxi às respetivas entidades reguladores e poder político.

Medidas como a flexibilização das fronteiras geográficas, a flexibilização e simplificação de tarifas, a regulamentação das licenças, e a facilitação do transporte de aeroportos e portos para passageiros que escolhem o táxi, são algumas das propostas que a APMobi vai apresentar e defender junto do poder político e das entidades reguladoras.

Esta Associação Portuguesa para a Mobilidade tem como origem o grupo de motoristas de táxis que lançou a petição “Pelo Futuro do Táxi: só uma mudança real pode salvar o setor”, e conta também com o apoio da mytaxi.

“Convidámos a mytaxi para também integrar esta associação, não só pelo reconhecimento do trabalho que tem vindo a desenvolver em prol da inovação e da modernização do setor, mas também porque é um player importante e que nos pode ajudar a alcançar os nossos objetivos. Estamos agora a dar os primeiros passos, temos um longo caminho a percorrer e desafiamos todos os motoristas de táxis que queiram ter uma voz ativa na luta futuro do setor a se juntarem a nós”, explicou Ricardo Aivado, também embaixador e membro fundador da APMobi.

Para Pedro Pinto, Diretor Geral da mytaxi Portugal, a justificação para ter aceitado este convite é simples, “queremos dar continuidade ao trabalho que temos vindo a desenvolver em prol da inovação e modernização do setor e encontrámos na APMobi uma forma ainda mais efetiva de o fazer. Fomos abordados por um grupo de motoristas de táxi que trabalha connosco há algum tempo e percebemos que partilhamos da mesma visão para o setor. Certamente que não concordaremos com tudo, mas junto vamos trabalhar pelo futuro do setor do táxi”.

OUTRAS NOTÍCIAS
Comentários
Loading...