Notícias actualizadas ao minuto sobre o sector automóvel

Os grandes mitos ao volante

Desde há muitos anos que existem inúmeros mitos ao volante – decidimos quebrá-los ao escrever este artigo que explica aos condutores que comportamentos devem ter, de acordo com o Código da Estrada.

Mito nº1: Colocar o veículo em ponto morto quando está numa descida poupa combustível.

Pois é, muitos condutores têm por hábito colocar a alavanca de velocidades em ponto morto. Esta é uma prática insegura e que efectivamente não melhora as prestações do carro pelo que se deve manter os hábitos das aulas de condução.

Mito nº2: É proibido conduzir de chinelos ou descalço.

Não existe nenhuma lei no Código da Estrada que impeça o condutor de conduzir descalço ou de chinelos. A única coisa que está efectivamente escrita visa um aconselhamento que passa pela utilização de calçado confortável e adequado para viagens. No entanto, se for verificado que a causa de um acidente derivou de uma condução praticada por pés descalços chinelos ou outro tipo de calçado desconfortável, o infractor pode pagar uma multa que pode ir dos 60 aos 300 euros.

Mito nº3: É proibido conduzir de tronco nu.

Também não existe nenhuma regra no Código da Estrada referente ao tipo de vestuário obrigatório a ser usado. Contudo há duas coisas a salientar: no que diz respeito aos motociclos existem regras de segurança que devem ser cumpridas. E no caso do agente da PSP o querer multar por um acto de exibicionismo ou atentado ao pudor, presente no Código Civil, o condutor não terá maneira de contornar a situação.

Mito nº4: Durante o teste de alcoolémia deve-se mascar o conteúdo do tabaco, colocar moedas na boca ou fazer pouca pressão no sopro para que o resultado seja alterado.

Estas ideias pré-definidas são meras asneiras que podem inclusive levar a agravantes maiores pelo facto do condutor não estar a participar correctamente no que lhe é pedido.

Conduzir com um braço fora do veículo ou com a mão na alavanca de velocidades já são, no entanto, práticas ilegais que podem resultar em multas. É também proibido ao condutor utilizar durante a marcha do veículo, qualquer tipo de auscultadores sonoros, aparelhos radiotelefónicos ou tecnológicos como o caso de telemóveis, tablets e afins.

OUTRAS NOTÍCIAS
Comentários
Loading...