Notícias actualizadas ao minuto sobre o sector automóvel

SEAT Mii electric quase a chegar

A SEAT inicia a sua ofensiva elétrica com o lançamento do Mii electric, o primeiro SEAT 100% elétrico de produção e abre caminho a futuros modelos que se juntarão à família.

Mais veículos elétricos (EV) e plug-in elétricos (PHEV) serão lançados num futuro próximo, incluindo o 100% elétrico SEAT el-Born, as versões híbridas plug-in do Tarraco e Leon, e as versões híbridas plug-in de elevada performance CUPRA Formentor e CUPRA Leon.

“A eletrificação está a expandir-se a um ritmo muito rápido, com o mercado mundial de veículos elétricos a registar um crescimento de 75% nos primeiros 8 meses do ano, e a SEAT está pronta para acompanhar esta procura crescente”, afirmou Luca de Meo, Presidente da SEAT. “O Mii electric inicia essa jornada, trazendo para o mercado um veículo elétrico acessível, mostrando a importância que damos não apenas ao desenvolvimento de veículos que honram a essência da SEAT, mas também aos que prometem um futuro emocionante para a indústria e para os consumidores”.

O lançamento do Mii electric não só trará a valores mais acessíveis uma tecnologia que, até agora, era mais dispendiosa do que a dos automóveis com motor de combustão, como também irá ajudar a SEAT a preparar-se para a expansão da rede de concessionários que responderá às exigências do mercado em crescimento dos veículos elétricos. Esta estratégia ajudará a suavizar a mudança, tornando mais simples a transição dos clientes para a eletrificação.

Para todos

A diferenciação do Mii electric no exterior é subtil, trazendo um visual renovado que inclui a legenda “electric” na traseira e autocolantes “electric” nos flancos. A elegância do modelo é destacada com a escolha de uma de cinco cores: Preto Deep, Branco Candy, Vermelho Tornado, Azul Costa e Cinzento Tungsten, além da possibilidade de personalização da aparência exterior com o tejadilho e espelhos pintados a preto (disponível em conjunto com as pinturas branco Candy, vermelho Tornado, azul Costa e cinzento Tungsten).

Por dentro, as suaves alterações passam pelo novo tablier com aplicação de folha IML SEAT (estampagem no molde) e de luz ambiente, duas novidades que dão um novo visual ao interior, sem distrações desnecessárias para os ocupantes.

Com duas versões – Mii electric e Mii electric Plus – a especificação de equipamento torna-se simples, mas inclui sempre um vasto leque de elementos tecnológicos e de conforto.

O equipamento da versão Mii electric inclui, de série, vidros dianteiros elétricos, ESP, controlo da pressão dos pneus, fecho centralizado, imobilizador e ainda airbags laterais e de cortina. Mas esta versão base recebe também Climatronic, assistente de faixa de rodagem, reconhecimento de sinais de trânsito, ajuda de arranque nas subidas e os modos de condução SEAT Drive Profile (normal, eco, eco+), o que faz do Mii electric um citadino especialmente bem equipado. A tudo isto, é ainda acrescentado no equipamento de série deste citadino 100% elétrico o sistema SEAT CONNECT e o cabo de carregamento modo 3 para carga através de Wallbox ou da infraestrutura pública.

No nível de equipamento acima, do Mii electric Plus, a lista acrescenta jantes de liga leve de 16”, vidros traseiros escurecidos, elementos em pele preta – volante, seletor de velocidades e travão de mão – e bancos desportivos com pesponto a branco. O nível de conforto beneficia ainda da inclusão de bancos dianteiros aquecidos, espelhos dianteiros aquecidos e elétricos, luzes de nevoeiro dianteiras e sistema de som com seis colunas.

Há ainda cinco packs de equipamento opcionais, mantendo a simplicidade e facilidade de especificação da gama Miii electric. Os cinco pacotes de equipamento são: Garage, Easy Flex, Below Zero, Home Charge e Fast (carregamento com corrente contínua – DC).

O pack Garage acrescenta sensores de estacionamento traseiros, cruise control e luz ambiente. O pack Easy Flex inclui banco do passageiro dianteiro regulável em altura, gancho no porta-luvas, banco traseiro rebatível assimetricamente e piso duplo da bagageira. O pack Below Zero contempla bancos dianteiros aquecidos, espelhos retrovisores elétricos e aquecidos, para-brisas aquecido, sensores de chuva e de luz e coming-home. Escolhendo o pack Home Charge, o Mii contempla um cabo de carga a 2.3 kW para casa, e com o pack Fast pode ainda ter um sistema de carga combinado CCS, que acrescenta a capacidade de carga DC a 40kW.

Conectado

O citadino 100% elétrico é o primeiro modelo a receber o SEAT CONNECT – este sistema permite o acesso e a gestão remota do veículo, possibilitando que os clientes possam rever a informação da viagem, a localização de estacionamento do veículo, o estado em relação às portas e luzes, controlar o processo de carga através do e-Manager ou a capacidade de ajustar o ar condicionado à distância, uma funcionalidade muito relevante em condições climatéricas extremas. Tudo a partir de uma app no smartphone.

É também através da ligação do Mii ao smartphone que o citadino elétrico se ajusta à vida quotidiana, dando acesso à sua música, ao rádio e navegação através da app DriveMii.

Futuro

A passagem para uma plataforma exclusivamente elétrica abre portas a uma experiência mais natural e ajustada ao ambiente citadino. O Mii electric foi desenvolvido para a cidade, garantindo uma agilidade incrível tanto na condução através do denso tráfego urbano como numa acelerada viagem rumo a um lugar de estacionamento.

O Mii electric tem as dimensões à medida de um puro citadino com um comprimento total de 3,556 mm, 1,645 mm de largura, 1,481 mm em altura e 2,421 mm na distância entre eixos.

O chassis foi calibrado e afinado para oferecer um rolamento confortável, estável e bem controlado, mesmo em superfícies mais complexas, enquanto a direção assistida assume um peso equilibrado com uma ligação forte entre o condutor, o veículo e a estrada.

No seio do sistema de propulsão do Mii electric está o seu motor de 6 1kW (83 CV) – associado a caixa de relação única – e com 212 Nm de binário instantâneo, o que se traduz na capacidade de o veículo de cinco portas alcançar os 50 km/h em apenas 3,9 segundos. Uma performance que garante ao citadino uma enorme capacidade de entrar e sair das vias congestionadas e de acelerar energicamente entre semáforos.

E a performance não acaba aqui. O Mii electric pode alcançar os 100 km/h em apenas 12,3 segundos e tem uma velocidade máxima de 130 km/h.

Mas o citadino não foi desenvolvido apenas para enfrentar as necessidades da condução urbana. Também detém uma incrível autonomia retirada da bateria de iões de lítio de 32.3 kWh e alojada no chassis. A sofisticada tecnologia de armazenamento de energia assegura até 259 km de autonomia com base no ciclo de testes WLTP, ainda que em utilização citadina este valor possa chegar aos 358 km com uma única carga.

Quando abastecida através do carregador rápido de corrente contínua (DC), a bateria pode ser recarregada até 80% da capacidade em apenas uma hora, ou durante cerca de quatro horas através de um sistema de Wallbox a 7.2kW ou através da infraestrutura pública.

Na gama do Mii electric, a SEAT assegura tudo o que é necessário à fácil recarga dos veículos de forma a que os clientes apenas se preocupem com a condução.

Os clientes podem optar pela instalação de uma Wallbox de forma a suavizarem a sua transição para um futuro elétrico. Acrescente-se a isto a conveniência de uma app no smartphone e os utilizadores poderão facilmente localizar os pontos de carga públicos para repor a eletricidade do seu Mii.

Uma vida elétrica

O mercado vive um momento excitante e muito dinâmico para todos os veículos elétricos à medida que a indústria procura tornar a mobilidade mais sustentável e ao mesmo tempo que procura democratizar a tecnologia que reduzirá o impacto no ambiente, especialmente em áreas urbanas densamente povoadas.

O Mii electric reúne uma sofisticada plataforma tecnológica com o caráter típico da SEAT: condução divertida, conectada e com um custo de utilização reduzido, sendo por isso a receita da marca para o sucesso neste mercado em permanente evolução.

O Mii electric destina-se tanto a clientes particulares como às frotas, a todos os que passam a maior parte do seu tempo a atravessar as ruas citadinas e suburbanas, reconhecendo os benefícios das emissões-zero sem querer prescindir da condução envolvente quando estão ao volante.

Porém, tão importante como a dinâmica ou o conforto é, para os clientes, a facilidade com que se consegue viver com um veículo elétrico, dependendo disso o seu sucesso. Enfrentando o assunto de frente, a SEAT desenvolveu o Mii electric para corresponder às necessidades de quem o conduz.

Quando o Mii electric chegar aos seus mercados-chave – Alemanha, Holanda, Noruega, França, Espanha, Áustria, Reino Unido, Suíça, Itália, Bélgica, Dinamarca, Finlândia, Suécia e Polónia – será um dos mais acessíveis veículos elétricos. Terá um preço equivalente ao de um veículo do mesmo segmento com motor de combustão interna, mas com custos de utilização significativamente inferiores. Os veículos elétricos exigem menos manutenção.

E quem não quiser comprar o Mii electric a pronto, terá disponíveis soluções de leasing. Na Alemanha, por exemplo, com um contrato a 36 meses e 10.000 km, custará cerca de 145€/mês (sem entrada), para que as pessoas possam simplesmente usufruir da sua utilização sem estarem preocupados com os custos envolvidos. Este modelo de leasing ficará inicialmente disponível na Noruega, Alemanha, Espanha, França, Holanda e Reino Unido.

Ficha técnica
Motor: Potência máxima 61 kW (83 CV)
Binário máximo 212 Nm

Bateria: Iões de lítio
Capacidade 32.3 kWh (valor líquido)
Tempo de carga com 40 kW DC até 80%, ~1 hora
Tempo de carga com 7.2 kW AC até 80%, ~4 horas

Alcance:
Combinado: 250-259 km (WLTP)
Urbano: 349-358 km (WLTP)

Performance:
Aceleração:
0-50 km/h em 3.9 segundos
0-100 km/h em 12.3 segundos
Velocidade máxima 130 km/h

Dimensões:
Comprimento: 3,556 mm
Largura: 1,645 mm
Altura: 1,481 mm
Distância entre eixos: 2,421 mm

Diâmetro de viragem: 9.8 metros

Capacidade da bagageira: 251 litros (até 923 litros com os bancos traseiros reclinados)

Ler Mais
OUTRAS NOTÍCIAS
Comentários
Loading...

Multipublicações

Human Resources
Quantas faltas justificadas pode dar no trabalho?
Marketeer
Guerra do streaming: consumidores dão oportunidade aos novos players