Notícias actualizadas ao minuto sobre o sector automóvel

Furgão e pick-up da Ford premiados

A eletrificada gama Ford Hybrid Transit Custom ganhou o título de “International Van of the Year 2020″ (IVOTY) e a gama Ford Ranger o título do “International Pick-up Award 2020” (IPUA).

A Ford torna-se, assim, no primeiro fabricante automóvel a conquistar por duas vezes os galardões IVOTY e IPUA num mesmo ano, depois de semelhante feito alcançado em 2013.

Os novos Transit Custom Plug-In Hybrid e Transit Custom EcoBlue Hybrid foram avaliados coletivamente por um painel de 25 jurados, especialistas da imprensa de outros tantos países europeus, tendo o prestigiado prémio anual IVOTY sido anunciado e entregue numa cerimónia que teve lugar em Lyon (França).

Os jurados elogiaram o leque de soluções mecânicas electrificadas da gama Ford Hybrid, integradas nos furgões Transit Custom, projetadas para ajudar a reduzir os gastos com combustível dos operadores, permitir a entrada no número crescente de zonas de baixas emissões e oferecer soluções práticas para as empresas que tentam reduzir a sua pegada ecológica, em termos de emissões e metas ambientais.

Os furgões de 1 tonelada Transit Custom Plug-In Hybrid e Transit Custom EcoBlue Hybrid, bem como o furgão Transit EcoBlue Hybrid de 2 toneladas, proposta que alcançou o 2.º lugar na edição deste ano dos troféus, são três dos 14 veículos eletrificados que a Ford irá introduzir no mercado europeu até final de 2020. É a sexta vez que a Ford conquista o troféu IVOTY.

Quanto ao Ford Ranger, a pick-up impressionou os 18 jurados do troféu IPUA, quer através do mais potente e mais eficiente motor diesel 2.0 EcoBlue, como pelo conjunto de avançadas tecnologias de assistência à condução.

Combinando uma capacidade de condução em zero emissões e sem a ansiedade da autonomia, o Transit Custom Plug-In Hybrid pode ser recarregado em sistemas normais para uma autonomia elétrica pura até 56 quilómetros (NDEC). As rodas dianteiras são propulsionadas em exclusivo por um motor elétrico de 92,9 kW, alimentado por uma bateria de iões de lítio de 13,6 kWh. O multipremiado motor a gasolina Ford EcoBoost, de 1.0 litros, funciona como um extensor de autonomia, garantindo ao modelo uma autonomia superior a 500 km.

A mecânica mild-hybrid do Transit Custom EcoBlue Hybrid integra um sistema de arranque/gerador operado por correia, em substituição do alternador tradicional, permitindo a recuperação e armazenamento da energia gerada pela desaceleração, carregando um pack de baterias de iões de lítio de 48 volts, arrefecido a ar. A energia armazenada é usada para fornecer binário adicional ao motor, tendo sido otimizada para gerar uma melhoria de até 8% em termos de eficiência de combustível ao já de si eficiente motor diesel 2.0 EcoBlue da Ford.

Disponível nos formatos de Cabina Simples, Alongada e Dupla, o novo Ford Ranger integra, de série, tracção às quatro rodas e uma versão aprimorada do motor Ford EcoBlue de 2.0 litros, gerando uma melhoria de eficiência de combustível de 9 por cento, quando combinado com a nova transmissão automática de 10 velocidades.

O leque de tecnologias de apoio à condução inclui, de série. Assistência Pré-Colisão com Detecção de Peões, e novas ferramentas, incluindo a tecnologia FordPass Connect, via modem integrado a bordo, permitindo aumentar as vertentes de conveniência e de produtividade.

A gama Ranger também inclui o novo Ranger Raptor, a versão de mais elevada performance  de sempre. Dotado de um motor 2.0 EcoBlue bi-turbo, com 213 CV, o Ranger Raptor exibe um estilo exterior mais agressivo e conta com um chassis optimizado pela Ford Performance, permitindo-lhe chegar a todo o lado e ter uma capacidade em offroad única.

Ler Mais
OUTRAS NOTÍCIAS
Comentários
Loading...

Multipublicações

Human Resources
Estas profissões vão desaparecer já a partir deste ano. Saiba se a sua é uma delas
Marketeer
Adidas espera crescer à boleia de Beyoncé