Notícias actualizadas ao minuto sobre o sector automóvel

Oficial: CEO da SEAT demite-se do cargo

Luca de Meo decidiu abandonar a presidência da SEAT, informou a marca espanhola em comunicado.

Em comunicado, a SEAT explica que foi Luca de Meo a pedir para deixar a presidência da empresa, numa decisão que foi “de comum acordo com o Grupo Volkswagen”.

A empresa espanhola indica ainda que Luca de Meo “continuará a fazer parte do grupo [alemão] até novo aviso”.

Com a saída de Luca de Meo, o vice-presidente financeiro da SEAT, Carsten Isensee, “assumirá de momento, juntamente com o seu cargo atual, a presidência da SEAT”, sendo que “estas mudanças no Comité Executivo da SEAT entram em vigor a partir de hoje, dia 7 de janeiro de 2020”.

Esta decisão poderá – ou não – ter a ver com as recentes notícias que davam conta do interesse da Renault em contratar Luca de Meo como novo CEO da fabricante francesa.

Nascido em Milão em 1967, Luca de Meo é licenciado em Administração de Empresas pela Universidade Comercial Luigi Bocconi da sua cidade italiana. A tese que apresentou sobre ética do negócio foi a primeira dissertação sobre este tema em Itália.

Luca de Meo entrou no Grupo Volkswagen, em 2009, como diretor de Marketing da marca Volkswagen e do próprio Grupo, depois de passar pela Renault (1992), Toyota e Grupo Fiat, onde liderou as marcas Lancia, Fiat, Alfa Romeo e Abarth. Em 2013, o seu trabalho no Grupo Volkswagen como diretor de Marketing foi analisado pela Universidade de Harvard como um case study.

O executivo recebeu em 2015 o título honorífico de Commendatore al Merito della República Italiana, uma das mais elevadas distinções nacionais no país transalpino, no mesmo ano em que foi nomeado Presidente da SEAT.

Ler Mais

OUTRAS NOTÍCIAS
Comentários
Loading...