Notícias actualizadas ao minuto sobre o sector automóvel

Moody’s baixa ‘ranting’ da BMW e coloca setor automóvel em vigilância

A agência de notação norte-americana Moody’s reduziu esta quarta-feira o ‘ranting’ do grupo alemão BMW e colocou oito outros construtores de automóveis sob vigilância devido à pandemia provocada pelo coronavírus.

“O setor automóvel é um dos mais afetados pelo choque (da pandemia Covid-19) devido à sua sensibilidade à procura e ao estado de espírito do consumidor”, afirmou a Moody’s em comunicado.

A BMW, classificada até aqui com a categoria A1, baixa assim para a categoria A2, com a agravante de continuar sob vigilância e poder baixar ainda mais no ‘ranting’. “Até antes das atuais perturbações do mercado, a BMW já estava a sofrer de indicadores financeiros abaixo das nossas expetativas para uma classificação A1”, observa a Moody’s que destacou a enorme deterioração da margem operacional e do fluxo de caixa no ano passado.

A agência norte-americana colocou ainda outras sete contrutoras automóveis em observação negativa: Daimler (Mercedes-Benz), Jaguar Land Rover, PSA (Peugeot, Citroën, Opel), Renault, Volkswagen, Volvo e McLaren.

A medida “reflete a profundidade e a gravidade do choque (da pandemia Covid-19) e a profunda deterioração que causou na qualidade do crédito” para essas empresas, referiu a Moody’s.

A agência também colocou o grupo Fiat Chrysler (FCA) sob vigilância, mas “com uma direção incerta”, sem favorecer a hipótese de uma redução no futuro. A Moody’s acredita que “a fusão proposta com a PSA criará um grupo maior e mais diversificado, o que poderá levar a uma melhor classificação da entidade combinada em comparação com a do grupo da FCA tomada individualmente”.

Recorde-se que a pandemia do coronavírus atingiu com estrondo o mercado automóvel chinês – o maior do Mundo -, e nos últimos dias foram vários os construtores automóveis a anunciarem a cessação da maior parte das suas atividades de produção, por tempo indeterminado, em regiões como Europa, Estados Unidos e América do Sul.

Ler Mais

OUTRAS NOTÍCIAS
Comentários
Loading...