Notícias actualizadas ao minuto sobre o sector automóvel

Euro NCAP atualiza protocolos e testes de colisão

A cada dois anos, o Programa Europeu de Avaliação de Carros Novos (Euro NCAP) atualiza e reforça os protocolos de teste. Este ano, vão ser introduzido novos testes para melhorar a proteção dos ocupantes, a proteção pós-acidente e promover a mais recente tecnologia avançada de ajuda ao condutor.

Uma mudança importante é a implementação de uma nova “Mobile-offset Progressive Deformable Barrier”, uma barreira móvel deformável para embates desfasados que substitui o teste de barreira deformável usado pelo Euro NCAP nos últimos 23 anos. Após o embate, será medido o nível de intrusão, tanto no veículo, como na barreira.

Juntamente com este novo teste, haverá uma evolução do boneco de testes, denominada THOR, e que, segundo o Euro NCAP, apresenta como principal novidade o facto do boneco – dummy – apresentar reações mais semelhantes às de um ser humano e conseguirá registar quaisquer lesões abdominais.

No caso dos impactos laterais será a partir de agora tido em conta o movimento de todos os ocupantes na sequência de um embate, e não apenas aqueles mais expostos à zona onde se deu o choque. A reação de todos os airbags instalados nos compartimentos centrais também será tida em conta.

Os protocolos de avaliação dos sistemas de travagem de emergência autónoma também serão alvo de novas atualizações já que passarão a ser sujeitos a um novo teste – denominado “Turn Across Path” – destinado a apurar a capacidade de prevenção de acidentes em cruzamentos.

O novo Euro NCAP passará também a avaliar os sistemas pós-acidente, como é o caso do eCall, com o objetivo de apurar quais os modelos que melhor informação sobre a sua localização fornecem aos serviços de emergência.

Apesar destas mudanças de protocolos, a exigência final será a mesma: apenas os veículos com desempenho excelente em proteção contra colisão, pós-colisão e prevenção de colisão irão contar com o selo “cinco estrelas”.

 

Ler Mais

pub


OUTRAS NOTÍCIAS
Comentários
Loading...