Notícias actualizadas ao minuto sobre o sector automóvel

PSP deteve quase 1000 condutores sem carta entre março e julho

A Polícia de Segurança Pública (PSP) deteve 947 pessoas entre 18 de março e 18 de julho por condução sem carta, anunciaram esta terça-feira as autoridades.

Em comunicado, a PSP revela que “durante a pandemia actual registou-se um aumento significativo no número de detenções por falta de carta”.

Segundo a PSP, no mesmo período de 2019 foram detidas 547 pessoas por suspeita de prática do crime de condução sem habilitação legal.

As 400 detenções registadas a mais em 2020 equivalem assim a um aumento de cerca de 73% no número de condutores detidos por falta de carta.

A PSP aproveita para apelar “a que conduzam apenas aqueles que estiverem habilitados para o efeito, adoptando medidas preventivas e conscientes”.

O período das detenções engloba o Estado de Emergência que durou de 19 de março até 3 de maio e o Estado de Calamidade que durou do dia 3 de maio ao final de junho.

Apesar do número mais elevado de condutores sem habilitações para conduzir na estrada, nos primeiros cinco meses do ano houve menos acidentes e menos feridos e mortos na estrada.

Recorde-se que em junho, a Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária revelou que, em relação aos cinco primeiros meses de 2019, houve menos 4531 acidentes com vítimas (-32,8%), menos 63 vítimas mortais (-32,5%), menos 226 feridos graves (-26,8%) e menos 5824 feridos leves (-35%).

Ler Mais

pub


OUTRAS NOTÍCIAS
Comentários
Loading...